Medicina Tradicional Chinesa ☯️

Já ouviu falar de Medicina Tradicional Chinesa?

Olá, tudo bem? Você já ouviu falar sobre Medicina Tradicional Chinesa ou Dietoterapia Chinesa?!

"Dietoterapia Chinesa" ou Terapia alimentar baseada nos princípios da medicina tradicional chinesa (MTC) é uma prática utilizada para prevenir e tratar doenças através do uso dos alimentos como base do tratamento. A dietoterapia chinesa faz uso de conceitos relacionados à Medicina Tradicional Chinesa que se baseia nas energias Yin e Yang, mais especificamente na energia e no preparo dos alimentos, isto é, considera a energia de cada alimento para tratar ou preservar a saúde e inclui técnicas de cocção para deixar o alimento mais terapêutico.

Os princípios Yin e Yang

Segundo a dietoterapia, todos os alimentos possuem "energia" e devem ser consumidos de acordo com as características pessoais e alterações que cada paciente apresente com o intuito de manter a saúde. Os alimentos classificados como Yang aumentam o calor do corpo (aquecem), já os alimentos Yin reduzem o calor ("esfriam"), mas deve-se consumir tanto os yin quanto os yang para se ter um equilíbrio. 

O equilíbrio na alimentação é o ponto de partida básico, assim como a nutrição nos orienta que uma alimentação saudável deve ser balanceada e rica em frutas, verduras, legumes, grãos e cereais (Plant Based Diet), o mesmo ocorre na medicina tradicional chinesa. 

O que muda é a forma de ver os alimentos, olhando não apenas seus nutrientes, mas também suas propriedades energéticas, natureza, cor, sabor e órgãos nos quais agem. 
Desta forma, podemos, resumidamente, dizer que a dietoterapia chinesa pode tratar da seguinte forma:

1) Revigorando: por exemplo, para tratar voz fraca, falta de fôlego, suscetibilidade aos resfriados, podemos comer doce feito com tâmaras, ginseng e gengibre. Ou para melhorar a depressão, falta de apetite podemos ingerir purê de inhame, raiz de bardana, nabo e incluir mais raízes como mandioca cozida nas refeições.

2) Enriquecendo o sangue: por exemplo, para melhorar palpitações, desmaios, adormecimento de mãos e pés, tremores musculares, devemos enriquecer nossa alimentação com a ingestão de fígado de porco (ou frango) cozido com brotos de bambu ou simplesmente incluindo espinafre e amoras na alimentação diária.

3) Tonificando: para tratar tonturas, fraqueza nas pernas, membros frios e impotência, devemos incrementar nossa alimentação com nozes e castanhas, rim de porco cozido com arroz e nabo, sopa de feijão preto.

4) Fortalecendo: para melhorar nariz seco, tosse e pele secas devemos comer mais pêras, caqui e mel.
Para os chineses, primeiro se deve pensar em usar a alimentação para corrigir ou prevenir um desequilíbrio e/ou doença, e dependendo do caso, só em segundo lugar avaliar outras medidas terapêuticas. No ocidente, frequentemente, o tratamento medicamentoso é a primeira intervenção e apenas num segundo momento se pensa na alimentação.

Como nutricionista e por experiência própria, posso dizer que a alimentação é a base para alcançarmos o equilíbrio, prevenirmos doenças e termos mais saúde sempre!

E é por isso que a minha missão e propósito de vida se resume em levar saúde para as pessoas através do alimento.

Espero que tenha gostado!

Beijos, 

Carina.
E-Book Grátis!
Insira seu e-mail abaixo para receber nossas novidades...
Feito com